Gestores de Brasileira participaram do lançamento do Projeto Sasc Integração


A Secretaria de Estado da Assistência Social e Cidadania (Sasc) apresentou novidades no cofinanciamento estadual de Assistência Social e lançou o projeto Sasc Integração, durante o Encontro de Gestores Municipais, realizado nessa quinta-feira (15) e sexta-feira (16). O evento contou com a presença de secretários municipais de Assistência Social e de várias autoridades do estado. A Prefeita de Brasileira Paula Araujo e o Secretário Municipal de Educação Alenildo Melo participaram do evento.
O momento teve como objetivo discutir a efetivação do cofinanciamento estadual e firmar compromissos e responsabilidades entre os entes do Estado e Município. O secretário da Sasc, Zé Santana, explica que o lançamento será um importante passo na assistência social do Piauí. “Era algo aguardado por todos que atuam na área social. Os Municípios realmente querem ter a parte do repasse do Estado, pois muitas vezes deixam de receber incentivo do governo federal. O repasse da União tinha que estar alinhado com o repasse do Estado, e agora com cofinanciamento isso será possível”, diz o gestor.
O secretário de Governo, Merlong Solano, esteve presente à solenidade de abertura representando o governador do Estado, Wellington Dias. Ele acredita que a implantação do financiamento e da plataforma digital tornará o Estado e as cidades mais integradas. “Nós vivemos em um mundo onde o poder público é obrigado a executar diversos programas que atendem um público cada vez mais amplo e também atuam em áreas diversificadas. O projeto que está sendo lançado cria uma base, uma plataforma tecnológica, que reúne as informações sobre toda a política social do Estado, em parceria com o governo federal e estadual”, afirma o gestor.

Na oportunidade, foi apresentado o “Sasc Integração”, uma plataforma tecnológica onde será possível a criação do Cadastro Social Integrado, prontuário eletrônico de cada família cadastrada, além do monitoramento das políticas públicas nos níveis federal, estadual e municipal.
Para o diretor do projeto Sasc Integração, Flávio Maciel, o maior desafio de vários estados é melhorar o desenvolvimento socioeconômico e o Piauí saiu na frente nesse incentivo. “Atualmente, o estado tem uma média de 60% da população no Cadastro Social. Então, trouxemos o Sasc Integração para efetivamente trazer benefícios a essas pessoas. A plataforma é um conjunto de soluções e tecnologia em prol da comunidade”, conta o diretor.
Zé Santana diz que, com o Sasc Integração, será possível acompanhar todas as ações e atividades realizadas no campo da assistência social. “Agora temos essa possibilidade de monitorar todas as políticas sociais, sejam elas realizadas pelos Municípios ou pelo Estado, com o foco direcionado para onde podemos utilizar essas informações para melhorá-las e abranger mais ainda a população”, finaliza o secretário.



Tecnologia do Blogger.