O Piauí receberá em torno de R$ 18, 5 milhões dos R$ 4 bilhões liberados na última quinta-feira (10) pelo Ministério da Saúde para os Estados e municípios brasileiros reforçarem o enfrentamento ao novo coronavírus. Segundo o Governo Federal, todos os estados e municípios já estão com o dinheiro em conta. A portaria do MS foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU).
Piauihoje.com apresenta uma tabela que traz os valores que cada cidade piauiense recebeu. Os recursos são destinados à compra de materiais e insumos, aberturas de leitos, pagamento de profissionais de saúde e outras ações que os municípios e estados julgarem necessário para o combate ao Covid-19.
Teresina receberá cerca de R$ 31 milhões, Parnaíba em torno de R$ 3, 4 milhões, Picos R$ 1,6 milhões e Floriano R$ 1,5 milhões.
De acordo com a portaria, municípios que recebem recursos para média e alta complexidade terão direito a uma parcela mensal extra, em igual valor. Os que não recebem, terão direito ao valor repassado para a atenção primária, também em igual quantia.
Recursos para Alta e Média Complexidade
Segundo o site do Ministério da Saúde, Média e Alta Complexidade são ações mais complexas executadas pelos hospitais, voltadas para os casos graves e críticos dos pacientes com coronavírus. Os recursos são usados para custeio dos profissionais, procedimentos (exames, cirurgias), internações, leitos e medicamentos especializados para cada necessidade. A verba também pode ser usada para possíveis complicações relacionadas ao coronavírus para cada caso. 
Já a Atenção Primária acontece nos postos de saúde para os casos mais leves ou moderados da doença. São feitos os exames iniciais para confirmação ou não do diagnóstico. Nessas situações, as pessoas são liberadas para casa e fazem o tratamento domiciliar, com devido acompanhamento das Equipes de Saúde da Família, formada por médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde.
Números da Covid-19 no Piauí e Brasil

Até o momento o Piauí tem 40 casos confirmados da Covid-19 e sete mortes. 955 piauienses testaram negativo para o novo vírus. Das 7 mortes, cinco aconteceram em Teresina, uma em Parnaíba e outra em São José do Divino. Dos 40 casos, 33 são em Teresina, três em São José do Divino, dois em Piracuruca, um em Parnaíba e outro em Campo Maior. Todos estes municípios estão localizados na região Norte do Piauí.

O número de mortos no Brasil chega a 941. O país tem 17.857 casos confirmados da doença.

A seguir portaria do MS e o valor recebido por cada município piauiense:
Como se proteger do coronavírus?
Lavar as mãos frequentemente por 20 segundos com água e sabão ou higienizá-las com álcool em gel;
Cobrir o nariz e a boca com um lenço ou o cotovelo ao tossir e espirrar;
Evitar contato próximo (um metro de distância) com pessoas que não estejam bem;
Ficar em casa e se isolar das outras pessoas que moram com você caso apresente os sintomas da doença.


Quais são os sintomas do COVID-19?
Os sintomas mais comuns do COVID-19 são febre, cansaço e tosse seca. Alguns pacientes podem ter dores, congestão nasal, corrimento nasal, dor de garganta, diarreia, perda do olfato e paladar. Esses sintomas geralmente são leves e começam gradualmente. Algumas pessoas são infectadas, mas não desenvolvem sintomas e não se sentem mal. A maioria das pessoas (cerca de 80%) se recupera da doença sem precisar de tratamento especial. Cerca de 1 em cada 6 pessoas que recebe COVID-19 fica gravemente doente e desenvolve dificuldade em respirar. As pessoas idosas e as que têm problemas médicos subjacentes, como pressão alta, problemas cardíacos ou diabetes, têm maior probabilidade de desenvolver doenças graves. Pessoas com febre, tosse e dificuldade em respirar devem procurar atendimento médico.

Quem é do grupo de risco?
Idosos e pessoas com condições médicas pré-existentes (como pressão alta, doenças cardíacas, doenças pulmonares, câncer ou diabetes) parecem desenvolver doenças graves com mais frequência do que outros.

O que é coronavírus?
Os coronavírus são uma grande família de vírus que podem causar doenças em animais ou humanos. Em humanos, sabe-se que vários coronavírus causam infecções respiratórias que variam do resfriado comum a doenças mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença de coronavírus COVID-19.

O que é o COVID-19?
COVID-19 é a doença infecciosa causada pelo coronavírus descoberto mais recentemente. Este novo vírus e doença eram desconhecidos antes do início do surto em Wuhan, China, em dezembro de 2019.

Matéria relacionada

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem