Um grupo de prefeitos piauienses ficou extremamente irritado com a votação no Senado Federal que decidiu pelo adiamento das eleições e não pela prorrogação dos mandatos.

O blogueiro teve acesso a alguns prints de conversas de WhatsApp do grupo da APPM, formado por prefeitos.

Um deles, que tem o apelido de uma cachaça ordinária, diz que vai mandar cortar a energia de todas as escolas do município e pergunta como as urnas serão instaladas. É o mesmo que defendia a abertura do comércio dias atrás.

Um outro, com apelido de coruja, diz que só tem dois caminhos: ir pra rua e ser contaminado ou não fazer o corpo a corpo e perder a eleição.

Já outro pede, por “caridade”, aos deputados federais piauienses que votem pela prorrogação na Câmara dos Deputados.

Fonte: GP1/Colunista Herbert Sousa

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Brasileira