O Promotor Nivaldo Ribeiro, do Ministério Público do Estado, expediu uma recomendação, no dia 17 de agosto, para 27 municípios do Piauí em relação a realização de testes rápidos destinados ao combate ao novo coronavírus.

A recomendação é para os secretários municipais de Saúde e para os diretores de hospitais dos municípios de Barras, Batalha, Brasileira, Campo Largo do Piauí, Domingos Mourão, Esperantina, Joaquim Pires, Joca Marques, Lagoa de São Francisco, Luzilândia, Madeiro, Matias Olímpio, Milton Brandão, Morro do Chapéu do Piauí, Nossa Senhora dos Remédios, Pedro II, Piracuruca, Piripiri, Porto, São João da Fronteira, São João do Arraial, São José do Divino, Capitão de Campos, Cocal de Telha, Boa Hora, Boqueirão do Piauí e Cabeceiras do Piauí.

A recomendação é destinada aos municípios que fazem parte da área de atuação do Grupo Regional de Promotorias Integradas no Acompanhamento da Covid-19 da Regional de Piripiri. Nivaldo Ribeiro explicou que no dia 13 de agosto uma reunião discutiu as condições clínicas para o encaminhamento de pacientes ao Hospital Regional Chagas Rodrigues, sem que tenham se submetido ao teste do novo coronavírus.

Na recomendação o promotor então pede a testagem para covid-19, por teste rápido ou RT-PCR, de todos os pacientes regulados ou transferidos de toda e qualquer unidade de saúde dos municípios. Ele ainda pede que seja encaminhado o resultado do teste, ou a cópia, anexado à ficha de regulação, para que possam ser admitidos no estabelecimento de saúde para o qual estão sendo transferidos.

Na recomendação o promotor explicou que existe “a necessidade prevenir a contaminação dos funcionários e de outros pacientes, tanto do estabelecimento de origem quanto do hospital para o qual o paciente está sendo regulado”.

Fonte: GP1

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Brasileira